quarta-feira, 17 de setembro de 2008

ASSEMBLEIA DE DEUS COMPRA MADRUGADA DA TV BANDEIRANTES

A Band fechou contrato, em sigilo, com a igreja Assembléia de Deus, informou a coluna Ooops!. A emissora negociou o horário da madrugada, das 2h às 7h, de segunda a sexta, e das 4h às 7h aos sábados e domingos. O pastor Silas Malafaia, da Assembléia de Deus, que comprou as madrugadas da Band O contrato acontece um mês depois de a Band "arrendar" o canal 21 (em UHF) por cinco anos para a Igreja Mundial do Poder de Deus. O valor e a duração do contrato não foram divulgados, mas de acordo com a coluna do UOL ele é de cerca de quatro anos. Para comparar, o valor pago pelo pastor R.R. Soares à Band por uma hora de programação em horário nobre é de cerca de R$ 5 milhões mensais. O contrato da Assembléia de Deus com a emissora foi fechado pelo pastor Silas Malafaia, que já apresenta um programa no sábado à tarde na Band, o "Vitória em Cristo". Malafaia já foi acusado de fazer sermões que promovem racismo e ódio aos homossexuais. Ele negou tudo na TV.Fonte: Folha Online dia 16/09/2008 - www.folha.uol.com.br

COMENTÁRIO: Sem dúvida alguma, que a televisão é um grande instrumento de comunicação em massa, e que usada de forma eficaz na pregação do Evangelho, muito pode contribuir na evangelização. No entanto, fazendo um balanço da presença evangélica como um todo hoje na televisão brasileira, o que se vê muito é propaganda de pessoas, instituições religiosas e também de produtos. No último sábado, um dos citados na reportagem da Folha de São Paulo, fez em seu programa uma desenvangelização, ao dar tapas na Constituição e nos Estatutos da Convenção da AD do Brasil, e criticar a própria Convenção, a editora e o jornal oficial da instituição, e os rumos administrativos da sua denominação. Vê-se muito também na televisão, além da propaganda pessoal dos apresentadores, das instituições que representam e dos produtos que vendem, também um ensino de barganhas com Deus, onde você, dá determinada coisa e Deus em troca, dá cura e prosperidade financeira. O anúncio do Evangelho de Jesus e da salvação, de forma simples e clara, pouco se vê. Sou a favor da utilização de todos os meios de comunicação para a pregação da Palavra, como a televisão, o rádio ou a internet, mas que seja feita com bom senso, equilíbrio e com o objetivo maior do engrandecimento do Reino de Deus.

Pr. Juber Donizette.

http://juberdonizete.blogspot.com/

Um comentário:

Juber Donizete Gonçalves disse...

Allen,

Obrigado amado, pela postagens dos textos, como pelas visitas gentis ao meu blog.

Que Deus continue lhe abençoando.

Graça e Paz.